Forbes e Google destacam Geekie em listas de inovação e buscas na internet

Estudo do Google sobre as empresas mais buscadas na internet destaca a procura pela Geekie na categoria adaptação à nova rotina frente ao coronavírus. Outra menção à Geekie foi feita pela Forbes que repercutiu um estudo inédito sobre o mercado de educação e as empresas em destaque na categoria “Ambientes de Aprendizagem” durante a pandemia.

Dois estudos destacaram a Geekie como empresa de educação entre as mais inovadoras e as mais procuradas no Google durante os meses da pandemia do coronavírus. O primeiro, repercutido pela revista Forbes, traz a Geekie como destaque em inovação nas empresas da categoria “Ambientes de aprendizagem”; já o resultado das buscas na internet é de um estudo apresentado pelo Google que traz informações sobre o ecossistema de inovação no Brasil durante o evento “Brazil at Silicon Valley”, patrocinado pela gigante da internet. 

Empresa mais inovadora em “Ambientes de aprendizagem”

O estudo inédito destacado pela revista Forbes – publicação sobre economia e negócios com reconhecimento mundial no setor -, foi o LATAM EdTech 100. O levantamento conduzido pela HolonIQ, uma plataforma norte-americana de inteligência global para educação, avaliou 3.700 organizações do setor educacional no continente. 

Deste universo, a empresa destacou 1.700 de acordo com “a atratividade da empresa para o mercado no qual atua, a qualidade do produto ou serviço oferecido, a expertise e a diversidade da equipe, a saúde financeira do negócio, e o momento, ou seja, se houve mudanças positivas no tamanho e na velocidade da empresa ao longo do tempo”, como informa a notícia da Forbes.

A Geekie foi destaque na categoria “Ambientes de aprendizagem” e está entre as 33 empresas brasileiras do estudo.

Leia a notícia da revista Forbes: Estudo inédito lista as 100 edtechs mais inovadoras da América Latina 

O que é uma EdTech?

O estudo considera “empresas que desenvolvem soluções tecnológicas para ofertas de serviços relacionados à educação”. Esta é a definição de uma EdTech para a Fundação Instituto de Administração (FIA). As EdTechs compõem uma categoria de empresas à qual a Geekie já fez parte, em especial até 2016 quando sua principal solução no setor era o Geekie Games – plataforma de ensino adaptativo voltado aos(às) estudantes do Ensino Médio que auxilia na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e vestibulares. A plataforma continua atendendo estudantes do segmento e atualmente oferece 20 mil bolsas de estudos para alunos e alunas da 3ª série do Médio da rede pública de ensino.

Atualmente a Geekie é destaque no setor como empresa focada na educação e reforça que a tecnologia, quando usada com intencionalidade pedagógica, tem seu potencial elevado ao ser colocada nas mãos de educadores e educadoras. Esta é a premissa do Geekie One, uma nova solução educacional híbrida que, além da tecnologia, também conta com consultoria pedagógica parceira na jornada de inovação de cada escola.

Imagem: conheça o Geekie One e saiba como transformar a dinâmica pedagógica de sua escola

Destaque nas buscas do Google como solução para adaptação à nova realidade

Outro destaque recente da Geekie foi feito no estudo conduzido pela Google for Startups, o Startup Landscape in the New Normal (Panorama das Startups no Novo Normal, em tradução livre), apresentado no evento “Brazil at Silicon Valley”, patrocinado pela gigante da internet. 

O estudo analisou as buscas na internet por mais de 2 mil empresas. A partir da análise inicial, foram destacadas 350 delas com pesquisas significativas entre março e abril de 2020 – os primeiros meses do distanciamento social no Brasil como medida para contenção da propagação do coronavírus – divididas em quatro categorias: “do desejo à necessidade”, “autoestima e conforto”, “apoio financeiro” e “ensino dentro de casa”. 

A Geekie foi destaque na última categoria como uma das empresas com crescimento exponencial para adaptação aos novos hábitos. O estudo considera as buscas nos meses selecionados (março e abril de 2020), em comparação com os mesmos meses de 2019. Segundo o estudo, a empresa foi a quarta mais buscada no final do período.

Confira a repercussão do estudo da Google nas notícias da Época Negócios, “As startups brasileiras mais procuradas durante a pandemia, segundo o Google”; Pequenas Empresas Grandes Negócios, “Google mostra quais startups brasileiras foram mais procuradas na pandemia”; ou no site Startupi, “Google for Startups divulga resultados de estudo sobre hábito do consumidor”.

Confira também mais destaques da Geekie na Mídia:

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Bitnami