Feira educacional Bett Show traz visão de que “tecnologia sozinha não resolve nada”

A Bett Brasil Educar, maior feira educacional da América Latina, acontece entre 18 e 21 de maio no São Paulo Expo (antigo Imigrantes Expo) e, como em anos anteriores, vai contar com a participação da Geekie. O evento é composto por um congresso e uma exposição. O primeiro visa contribuir para a formação profissional continuada de educadores e tem inscrições pagas e certificação aos participantes. A área de exposições é de acesso gratuito e oferece oportunidades de experimentação de soluções educacionais. Enquanto o evento não começa, a organização compartilha aprendizados da edição de Londres, que aconteceu em janeiro deste ano e é considerada a maior feira de educação e tecnologia do mundo. Veja o que a comitiva brasileira descobriu por lá*:
Aprendizados da Bett Show de Londres: tecnologia simples e eficaz
Parte da comitiva brasileira que acompanhou a maior feira de educação e tecnologia do mundo, Diego Calegari, diretor de tecnologia e inovação da secretaria de Estado de Santa Catarina, conta um pouco do que aprendeu por ali.
Como era de se esperar, a Bett Show 2016 apresentou diversas tecnologias de ponta, mas o que mais chamou a atenção de Calegari foi a “simplicidade certeira” de certos produtos. “Há ideias simples e práticas que ajudam o professor na rotina dentro da sala de aula. São muitas coisas, mas para dar um exemplo, conheci um mouse que é um controle remoto para substituir o mouse da lousa digital. Como ele funciona direto na tela, o professor não precisa parar, se abaixar em frente ao computador. Esses equipamentos ajudam a criar outra dinâmica na classe”, relatou.
Tecnologia com intencionalidade
A delegação brasileira, além de andar bastante pela Feira para conhecer as novidades dos expositores mundiais, também participou do Congresso da Bett Show, assistindo a palestras e participando de debates. “Mais uma vez, foi reafirmada a visão de que a tecnologia sozinha não resolve nada”, afirmou o diretor de tecnologia catarinense.
Calegari relatou ainda que viagem foi uma boa oportunidade para observar como o valor que as pessoas dão à educação tem uma relação direta com a qualidade de vida naquela sociedade. “Vimos que sociedades com alto grau de solidariedade, baixa criminalidade e Estado bem organizado têm em comum uma política educacional estruturada e de longo prazo”, disse.
Ele defende que o Brasil precisa se espelhar nesses exemplos. Atualmente, Calegari coordena um grupo de trabalho do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) que discute o uso de tecnologia nas escolas. “Não adianta resolver o problema de uma escola, de um município, mas não de todos. Precisamos de uma ação conjunta, integrando o país”, afirmou.
Principais discussões da Bett Show
Mesmo sem ter ido a Londres, todos que entendem inglês podem conhecer um pouco do teor das palestras de lá pelo site do evento. Destacamos aqui alguns temas que têm forte repercussão na realidade brasileira e que certamente serão amplamente debatidos na Bett Brasil Educar deste ano:

 
Serviço:
Bett Brasil Educar 2016

Quarta (18/5/2016): das 9h às 19h30
Quinta (19/5), Sexta (20/5) e Sábado (21/5): das 09:00 às 19:00
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center (antigo Imigrantes Expo). Rodovia dos Imigrantes, Km 1,5 – São Paulo-SP – www.saopauloexpo.com.br
Site: www.bettbrasileducar.com.br

 
*Texto publicado originalmente no blog da Bett Brasil Educar. 

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Bitnami